segunda-feira, 10 de março de 2014

Ofir e Porto



O primeiro registo foi feito em Ofir, numa esplanada, e os outros dois no Porto (no Costa Coffee e na estação de metro da Trindade).
Ofir e Porto, Portugal, 27/28.03.2014

2 comentários:

  1. Uma vez falei com o professor Marco Costa sobre o uso do branco no diário gráfico, estamos tão habituados a ter as folhas brancas que esquecemo-nos que esta tambem é uma cor, neste caso (sendo as folhas castanhas) o branco chama-nos logo a atenção e destaca-se do resto. Bons sketchs

    ResponderEliminar
  2. Obrigado Kevin. É sempre importante tirarmos partido das características do papel. Além de ser divertido brincar com o branco, neste caso, como o papel é castanho, o branco deverá ser adicionado criando contraste e focus de interesse.

    ResponderEliminar