quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

A abrir a Gran Via

Trago hoje aqui um dos edifícios mais marcantes de Madrid, o Metrópolis. Inaugurado em 1911, exibe estatuária variada e uma cúpula majestosa encimada por uma figura alada. Sentei-me num banco junto à Igreja de S. José, do outro lado da Gran Via, e lá me pus a desenhar. Fiz um enquadramento um pouco dramático, com muito céu, ornado de nuvens macias, um tanto etéreas, em contraponto com a solidez dos prédios neoclássicos:


Para quem gosta dos detalhes do processo, estão no meu blogue, aqui.
Até breve!
Miú

Sem comentários:

Enviar um comentário